segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

A FÓRMULA PARA ERRADICAR O TRABALHO INFANTIL - CONTO FINALISTA DO PRÊMIO PETECA 2014

A fórmula para Erradicar o Trabalho Infantil 

Débora Morais da Silva

Morava em uma pequena cidade do interior, um cientista muito preocupado com os problemas sociais existentes no lugar. Vivia buscando soluções para os problemas que afetavam as pessoas. Passava dias e dias em seu laboratório em busca de respostas e soluções para aquilo que diziam não ter jeito.

Certo dia, seu filho de dez anos invadiu o seu laboratório trazendo-lhe um grande desafio. Ele contou ao pai que a professora tinha falado sobre crianças e adolescentes que são explorados em trabalhos pesados, alguns adoecendo e chegando até a morrer. Ele disse que o trabalho infantil é como uma grande doença que assola nosso país e nosso estado, mas que é possível curá-la. A tarefa de casa foi para que cada aluno pensasse numa maneira de erradicar o trabalho infantil. Então, ele pediu ao pai que desenvolvesse uma fórmula que fosse capaz de curar esse mal e salvar as crianças e adolescentes.

O pai ouviu a filho com atenção mas disse-lhe que não seria possível ajudá-lo pois estava ocupado desenvolvendo outras fórmulas e mesmo assim erradicar o trabalho infantil parecia uma tarefa quase impossível.

O filho continuou insistindo, bateu o pé e disse que só sairia de lá com a fórmula e falou que os pais devem ajudar seus filhos a resolverem os problemas.  Convencido, pegou seu filho, entraram no carro e foram ver de perto o que estava acontecendo.

Era um dia de muito calor. Pai e filho viram muitas cenas tristes. Crianças pedindo no sinal, vendendo balas, limpando carros, enfim, cenas de cortar o coração. Impressionados com o que viam, lágrimas caiam dos olhos do filho, que mesmo com dez anos, imaginava a dor e o sofrimento existentes e presentes na vida daquelas crianças, que viviam ao relento, passando fome e frio.

De volta para casa, sentindo o coração dilacerado de dor, mas sustentado pela fé e confiança em Deus, decidiram desenvolver a fórmula o mais rápido possível.
Vários componentes foram usados para que a fórmula desse certo. Eles pegaram um pouco da responsabilidade das famílias, o apoio das escolas, o Estatuto da criança e do adolescente, o apoio do Conselho Tutelar, a atenção da Assistência Social, o compromisso do Poder Público e claro, o compromisso do Ministério Público do Trabalho. Após misturados, os componentes começaram a ter um efeito incrível. Procuraram então os representantes legais dos direitos das crianças e dos adolescentes e entregaram o líquido precioso.

A fórmula ainda não erradicou por completo a exploração do trabalho infantil, mas é certo que em muitas cidades do Estado do Ceará ela já está sendo usada e já está funcionando!

Isso prova que com a união e a colaboração de todos é possível retirar todas as crianças das ruas e dar a elas uma vida onde que possam sonhar e realizar os seus sonhos.

EMEF PROFESSOR JÚLIO HOLANDA
DIRETORA: MARIA EUNY FERREIRA
PROFESSORA ORIENTADORA: ANTONIA AURICÉLIA BARBOZA MENEZES
CONTO: A FÓRMULA PARA ERRADICAR O TRABALHO INFANTIL
ALUNA: DÉBORA MORAIS DA SILVA, 9º ANO A

3 comentários: